A CONTA DE LUZ



Olhei sem querer a conta de luz do vizinho: deixada por engano à minha porta, abri o envelope pensando que era a minha.

O pior é que vi que ele gasta a metade que eu.

É uma mágica. Não sei como consegue. Ele também tem dois filhos, menores que os meus, mas mesmo assim...

Preciso saber com minha mulher o que está acontecendo. É ela quem cuida dessas coisas lá em casa.

Não demoro mais que 15 minutos no banho.

Não deixo lâmpadas acesas.

Nem tenho tempo de assistir à televisão.

Por onde a eletricidade estará passeando em meu apartamento?

Dependendo do que conseguir apurar nessa investigação, terei de tomar providências enérgicas.

Como, por exemplo, bisbilhotar as contas dos outros vizinhos.

Brincadeira.

Ou desligar a geladeira e passar a tomar banho frio.


Vamos ver.